• Mude! UFMG Jr.

A magia da alta costura


Em um belo dia, você sai para fazer compras e se depara com uma placa, que geralmente são de lojas de vestidos de festa, escrito “Fulano Modas Alta Costura”. Alta Costura? Que termo chique, não é mesmo? Você sabe o que significa?

O termo nasceu com Charles Frederick Worth, em meados do século XIX. Usado para descrever seu trabalho minucioso e sem igual, Worth é considerado o pai da alta costura ao revolucionar a moda da época. Seguindo os passos de Worth, vieram Poiret, Vionnet, Lanvin, Chanel, Schiaparelli, Balenciaga, Dior, entre outros. A maioria dessas grifes ainda existe atualmente, e algumas ainda são grandes casas de alta costura.

Fundada em 1868, a Chambre Syndicale de la Haute Couture decide, até hoje, quem pode usar ou não o termo para suas criações. Ele é legalmente protegido e, em tese, só pode ser usado pelas casas que receberam tal permissão pelo Ministro da Indústria na França.

Para fazer parte desse grupo seleto, há algumas regras bem rígidas que se deve seguir, como ter um ateliê em Paris em uma das três avenidas mais importantes da capital, com uma equipe integral de ao menos 15 pessoas; apresentar suas coleções duas vezes ao ano, com mínimo de 35 looks para dia e noite; dentre muitas outras... O trabalho deve ter o melhor dos materiais e ser, praticamente, todo manual! É preciso receber, também, o apoio de ao menos um dois membros votantes da Chambre: os CEOs da Chanel, da Dior, da Jean Paul Gaultier ou da Givenchy.

Após a 2ª Guerra Mundial, existiam cerca de mais de 100 ateliês de alta costura; hoje, restam menos da metade dos membros oficiais, dentre eles algumas mais conhecidas como Chanel, Christian Dior, Giambattista Valli, Givenchy, Jean Paul Gaulthier e Schiaparelli. Além desses, há grifes-membros correspondentes estrangeiras, como Valentino e Giorgio Armani, e também membros convidados a cada temporada.

O trabalho da alta costura é tão precioso e minucioso que uma única peça pode levar cerca de mais de 1000 horas para ficar pronta. Por isso, não rende praticamente nenhum lucro líquido direto para quem as faz, mas estabelece o domínio, demonstra a expertise, consolida a imagem da maison perante o mundo com a sua capacidade de incitar encantamento a partir de seu poder.

O preço de tais peças não tem limite, podendo variar entre alguns milhares de dólares até milhões. Alguns estimam que há cerca de 4000 consumidoras de alta costura no mundo todo, enquanto outros pensam ser entre 200, 400 pessoas. A identidade de tais colecionadoras é misteriosa, mas especula-se que são herdeiras de grandes fortunas ou muito bem sucedidas, ou mulheres que se casaram com bilionários ou sheiks.

Logo, já percebemos de que não é qualquer um quem faz e não é qualquer um quem compra. Mesmo longe da realidade de muitos, as coleções de alta costura são sempre as mais esperadas do ano, pois é quando a sedução, a imaginação, o primor da moda se renovam e inspiram novos sonhos e desejos.

Acredito que, agora, é seguro dizer que você sabe sim o que alta costura é, certo? Então que tal conhecer algumas de suas curiosidades?

- Na Alta-Costura os estilistas são denominados counturies. Worth criou a aura do costureiro, definindo-se como um artista influenciando, assim, a corte francesa.

- Jeanne Paquin (1869-1936) é considerada a primeira estilista mulher da história da alta costura, ao surgir em 1891 com sua Maison Paquin.

- Em 1946 existiam cerca de 106 casas oficiais de alta costura. Os membros são divididos em três modalidades:

Permanentes:

  1. Adeline André

  2. Atelier Gustavolins

  3. Chanel

  4. Christian Dior

  5. Christophe Josse

  6. Franck Sorbier

  7. Giambattista Valli

  8. Givenchy

  9. Jean Paul Gaultier

  10. Maurizio Galante

  11. Stéphane Rolland

  12. Martin Margiela

  13. Yves Saint Lauren.

Correspondentes:

1. Versace

2. Elie Saab

3. Giorgio Armani (com a linha Armani Privé)

4. Maison Martin Margiela (para sua linha artesanal)

5. Valentino

Convidados:

1. Alexandre Vauthier

2. Alexis Mabille

3. Bouchra Jarrar

4. Iris Van Herpen

5. Julien Fournié

6. Maison Rabih Kayrouz

7. Yiqing Yin

8. Schiaparelli

Fiquem de olho no blog e no instagram da Mude! para não perder nenhum conteúdo de moda que estão a todo vapor!

#HauteCouture #Altacostura #moda #fashion

FOLLOW ME

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Black Pinterest Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Twitter Icon

STAY UPDATED

POSTS RECENTES

TAGS