• Alice Galvão

Semana de Moda em Milão


Foto: TheFashionphotography

Setembro é um dos meses mais importantes para moda mundial: é quando ocorre os desfiles de Primavera/Verão das marcas e as famosas Semanas de Moda internacionais. Da semana do dia 23 de setembro até o dia 28, segunda feira, aconteceu o Milão Fashion Week. Em tempo de coronavírus, muitos desfiles voltaram a ser presenciais, gerando algumas críticas do público, algumas marcas até optaram por levarem convidados, como Fendi, Alberta Ferreti e Dolce & Gabanna, que recebeu várias críticas por deixar as modelos muito próximas, sem proteção e permitir o acontecimento de filas com aglomerações.

Entretanto, os desfiles trouxeram criações belíssimas, que mostram força e união em meio a tantos problemas vivenciados no ano de 2020. Algumas marcas que desfilaram são a Moschino, que trouxe um desfile de bonecas de fantoche incríveis, Versace, Marni, Emporio Armani, Fendi, Prada e Maison Margiela. Algumas marcas fizeram algumas iniciativas tecnológicas junto aos desfiles de passarela, como Prada e Versace.

As apresentações trouxeram criações bastantes distintas, mas muito excepcionais e únicas, quando comparadas entre si. Algumas tendências reparadas são as transparências, muito corpo a mostra, mangas e ombros mais marcados, blazers, conjuntos, as cores fortes continuam aparecendo, mesmo que seja só alguns pontos de cores, assim como a Fendi trabalhou em sua coleção.

Vogue Runway: Marni e Versace

A Fendi apresentou um dos desfiles mais aclamados dessa Fashion Week, intitulada “Reflections” a coleção se inspira e reflete a ideia de Silvia Venturini Fendi: uma grande colcha de retalhos feita de boas memórias - dentre elas, o tempo passado com a família, gerações reunidas na janela ou no jardim, vendo a vida passar. Peças em linho, com toques de algodão, penas, pele e acolchoados. Tons naturais do trigo, leite e mel em meio a reflexos azuis e vermelho cardinal. As peças e acessórios trazem alusões a trabalhos artesanais feito por famílias locais, e continuando com a narrativa do desfile, alguns modelos que desfilaram tinham relações entre si, pais e filhos juntos.

Vogue Runway

A Dolce & Gabanna também se inspirou no trabalho do artesanato italiano. Focada na ilha de Sícília, o objetivo da coleção foi “representar um símbolo de união de diferenças para criar algo único à mão”. Porém, enquanto várias marcas miraram em peças mais minimalistas, no estilo comfy, a grife seguiu com exuberância e vibe espalhafatosa. Essa posição da marca gera várias críticas, algumas pessoas relacionam o posicionamento da grife como “fora da realidade atual”. Porém, o desfile trouxe várias cores, estampas e formatos diferentes e chamativos, bem vibrante e alegre.

Vogue Runway

E aí, o que achou das novidades e das peças incríveis dessa semana de moda? Muuuitas novidades incríveis!

FOLLOW ME

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Black Pinterest Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Twitter Icon

STAY UPDATED

POSTS RECENTES

TAGS