• Marina Piquini

Inti Raymi: A festa do Sol - Processos da coleção


Se você nos acompanha nas redes sociais, deve ter notado que ultimamente, falamos de um dos nossos últimos projetos, Inti Raymi: A festa do Sol.

Dentre de outros serviços que oferecemos, o Projeto de Coleção consiste em um desenvolvimento de coleção de produtos de moda: roupas, acessórios, calçados, etc. Este trabalho, consiste em várias etapas, mas não deixa de ser extremamente prazeroso. Dentre esses processos, temos: pesquisa de tendências, materiais e tecidos, criação de croquis, além de fichas e desenhos técnicos com todo o detalhamento para a fase de produção e desenvolvimento dos produtos. Nós configuramos todo o planejamento, desenvolvimento de uma coleção e suas estratégias.

Eita, já deu um cansaço, né? Mas, como tenho dito acima, este é um trabalho muito prazeroso de se fazer, onde exploramos o conhecimento e a criatividade de nossos membros para uma produção única.

Por isso, hoje aqui no blog, vamos falar um pouquinho do processo do projeto Inti Rayme

.

Pesquisa do tema

Antes de tudo, damos uma aprofundada no tema, ou na questão, principal do briefing do cliente. Aqui foi o caso da celebração inca do deus do sol Inti Raymi, comemorado no dia 24 de junho, solstício de inverno e Ano Novo Inca, na fortaleza é a fortaleza de Sacsayhuamán, no Peru. Sendo o deus do Sol a identidade mais venerado dentro da cultura Inca, a celebração é rodeada por cores e danças, que vibram em 6 horas de festa.

Pesquisa de mercado

Sendo uma coleção voltada ao público feminino, realizamos uma pesquisa de mercado, para entender melhor o cenário. Essa pesquisa tem como ponto de partida as condições e público alvo do cliente.

Sendo o foco da empresa em questão o público feminino de Belo Horizonte, vimos que o mercado em si, é bastante forte e concorrido. Para tal, empresa deve focar em uma coleção inovadora, por ser uma coleção comercial, é provável que muitas lojas apresentem modelos parecidos,tanto de roupa, quanto cor e tecidos, focando numa proposta diferenciada de outros concorrentes a empresa ganha diferencial e por consequente pode ter um acréscimo nas vendas.

Pesquisa de tendências

Essa, é uma das partes mais legais, onde buscamos as tendências mais quentes do mercado para apresentar ao cliente e filtrar, ou se inspirar, nas quais mais se correspondem com a proposta da coleção.

Nesta coleção, buscamos as tendências primavera/verão 2020/21 e pontuamos que:

  • As peças chegam das mais delicadas e românticas até as mais chamativas.

  • As cores transitam entre si das mais quentes as mais frias, sem restrições.

  • O básico estará presente a todo momento com alfaiataria feminina, formas, decotes, assimetrias, bermudas e bastante bolso. Mas, não só do básico fará as passarelas.

  • A estética dos anos 80 chega forte com ombreiras, bastante volume e movimento nos tecidos. A moda Wall Street vem para ficar e, inclusive, o balonê volta.

  • As estampas são o grito das próximas temporadas.

  • O xadrez e a zebra já estão sendo o grande destaque. As de bandanas começam a aparecer, não só mais em acessórios (esse modelo de estampa foi redescoberta na década de 70 e incorporou no guarda roupa na década de 80; são figuras indígenas primitivas que podem ser chamadas de Cachemir).

Cartela de cores

Em seguida nós também montamos uma cartela de cores que serão usadas na coleção. Sendo a coleção inspirada na Festa Sol, que por sí só, já traz cores fortes e vibrantes, aproveitamos para explorar isso em uma cartela bem elegante, que também, casa com coleções de primavera e verão.

Tecidos e aviamentos

Também buscamos fazer uma extensa pesquisas de tecidos e aviamentos para serem usados na produção da coleção. Para a coleção Inti Rayme demos preferências á tecidos leves, fluidos, de toque suave e resistentes ao calor, como Viscose Lisa, o Linho puro, Malha viscolycra, Crepe georgette, Cetim Inglês, Tencel e rendas de algodão

.

Os aviamentos são selecionados e categorizados a dedo para a harmonia das peças. Para a coleção, selecionamos peças de metal, níquel, renda e franjas.

Croquis e desenhos técnicos

Com toda a pesquisa e levantamentos aprovados pelo cliente, podemos botar a mão na massa. Em um primeiro passo, realizamos uma série de croquis, buscando atender o número e os tipos de peças exigidos pelo cliente. Além disso, é neste momento em que se aflora a criatividade dos membros para criar as suas roupas. Assim finalizadas, enviamos para o cliente para uma avaliação e, de acordo com o sua interpretação, fazemos modificações e partimos para os desenhos técnicos, que serão, posteriormente, usados na produção da coleção (é importante ressaltar que a Mude! não faz confecção de roupas e acessórios, agimos no nível conceitual da questão).

Nesta coleção, os participantes tiveram sua criatividade explorada e incentivada, resultando em uma produção original e moderna.

E aí? Está interessado em nossos serviços? Confira a nossa aba “Serviços” do site e entre em contato!

FOLLOW ME

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Black Pinterest Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Twitter Icon

STAY UPDATED

POSTS RECENTES

TAGS