• Mude! UFMG Jr.

Minas Trend 2022/1 - Parte I

Igor Rezzende e Kamilly Amaral - 03 de maio de 2022


Mais do que um evento que antecipa tendências, o Minas Trend é um Salão de Negócios que promove o encontro de todas as cadeias da indústria da moda. A 27ª edição ocorreu de 19 a 21 de abril e reuniu lojistas, compradores, influenciadores e formadores de opinião de olho nas tendências Primavera/Verão 2023. Em uma versão mais focada para associações mercadológicas, o Minas Trend 2022 trouxe compradores estrangeiros, selecionados em parceria com a Apex, Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, que vêm em busca de novos negócios e parcerias com os produtores de moda de Minas.


Durante o evento, pudemos perceber uma tendência de coloração que promete durar até o próximo verão: o uso do lima com lilás. Essa harmonia cromática, composta por um tom de verde claro vibrante juntamente com variações claras e escuras de lilás, garante um visual impactante e glamoroso para qualquer peça. Nossa equipe registrou diversas personalidades, entre compradores, estilistas, lojistas e jornalistas, que apostaram na harmonia da estação. Muito do significado sociológico dessa retomada de cores fortes deve-se à sensação de vivacidade e liberdade após os anos de severo isolamento.


Suzana Santos


Cores vibrantes. Sapatos altos. Tendências do Y2K. Essas foram a marca registrada na coleção de primavera/verão da Suzana Santos Calçados (@suzanasantoscalcados). De acordo com Samara Fernando (@samarabozano), diretora de estilo da marca, o próximo verão virá repleto de cores intensas e alegres, tendência que vem sendo adotada pelos consumidores nos últimos tempos. Outro destaque para a primavera/verão 2023 são os sapatos de salto alto, como os de meia pata e os de formatos diferentes. Samara explica que, com a flexibilização da COVID-19, o público-alvo da marca vem deixando de lado o estilo comfy e buscando por peças alegres, chamativas e estilosas, como na estética dopamine dressing.


As inspirações para a coleção vieram da estética dos anos 2000, como as cores, o metalizado, as formas geométricas e a transparência, tendências observadas em pesquisas no país e no exterior. O resultado foi uma coleção divertida e ousada, que veio para estilizar o guarda-roupa do público.


Kalandra


Na entrevista com a marca Kalandra (@kalandrashowroom), Ana Flávia, representante da marca responsável pelo setor comercial, conta que a Kalandra é uma empresa familiar que começou com sua mãe, Flávia Castro, e atualmente é gerenciada por suas três filhas: Ana Flávia, Carolina e Roberta.


O público-alvo da Kalandra é uma mulher madura com alma jovem, a marca é inclusiva e oferece modelagens para mulheres plus size, a grande procura são das numerações 44 ao 48. Além de trabalharem com mulheres da vida real, elas prezam o bem-estar e a auto-estima das clientes.


Quando trouxemos o assunto de coleções, Ana Flávia conta que durante a pandemia a marca se habituou ao cenário da COVID-19 e começou a produzir um estilo casual, fluido e sem bordados, pois a procura por roupas de festa diminuiu consideravelmente.


A nova coleção trouxe novamente o bordado, vestidos encorpados e justos, mas ainda com a presença do casual e do fluido. Desde a coleção de inverno, a marca trabalha com cores cítricas, candy colors, e tons de rosa e azul, cores que estão em alta no momento. A coleção de primavera/verão 2023 faz um resgate dos anos 2000 através das plumas e dos brilhos, trazendo muita alegria para os looks.


Victoria


"Não trabalhamos com tendências e sim com joias", disse Rubens Ávila, estilista da Victoria Moda Festa (@victoriamodafesta), ao definir as peças como preciosidades atemporais, que devem ser contempladas.


A nova coleção da marca intitulada "Floraison", do francês, que significa florescer, ideia que partiu do momento vivido durante os dois últimos anos, busca inspiração nas flores que renascem como fênix. A coleção possui modelagens e bordados diversos, que atendem um público alvo amplo.


As principais tendências presentes na coleção foram as plumas, brilhos e franjas, itens que vem tendo alta procura. As cores que mais tem cativado as clientes são o lavanda e o goiaba, cores que conversam muito bem com os bordados. Havia, ainda, alguns modelos da coleção anterior expostos no evento, que fazem alusão a modelagem dos anos 20, com elementos do barroco e do rococó e principalmente do palácio de Versalhes. Já para a próxima coleção podemos esperar algo que envolva lepidópteros e suas ramificações, com bordados interessantes e bem trabalhados.


A3 Espadrilles


A sustentabilidade, o conforto e o trabalho manual são os principais pilares da A3 Espadrilles (@a3espadrilles). Alex, dono e diretor criativo da marca, explica que todos os calçados da empresa são feitos de solados com juta natural importados da Espanha. Além disso, sua fabricação é feita de forma manual, se atentando a todos os detalhes para garantir o máximo de conforto possível.


A marca possui 3 linhas de calçados diferentes: ADN, Eco e Lux, para conseguir atender todo o público. O ADN significa DNA em espanhol e a linha possui esse nome por justamente seguir as características dos calçados espanhóis. Já a linha Eco é feita de materiais reciclados ou de materiais que possam ser recicláveis.

Por fim, a linha Lux é para quem gosta de calçados mais chamativos e glamourosos, essa coleção conta com sapatos feitos de couro de pirarucu, couro de vaca e detalhes com muito brilho.


Alex conta que a sola feita de juta natural proporciona mais conforto para os pés, pois com o passar do tempo, a sola vai se adaptando à anatomia do pé do usuário. A marca tem grandes expectativas para o verão e percebe que a cada dia, vem aumentando a preocupação da população em relação ao planeta, o que é muito importante.



A 27ª edição do Minas Trend trouxe uma variedade de marcas, que atingem um público diverso. Qual foi sua tendência favorita? Conta pra gente nos comentários! Fique atento em nossas redes sociais que em breve sairá a segunda parte das entrevistas desse evento incrível!



 

A entrevista foi feita por Igor Rezzende, Kamilly Amaral e Isadora Barros. As fotos foram tiradas por Elis Figueiredo e Rodrigo Falqueto. A matéria foi escrita por Igor Rezzende, Kamilly Amaral, Gabriela Pereira, Isadora Tavares e Joyce Silva . Nós da Mude! gostariamos de agradecer as marcas que cederam um pouco do seu tempo e espaço para participar das entrevistas. Muito obrigada.


FOLLOW ME

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Black Pinterest Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Twitter Icon

STAY UPDATED

POSTS RECENTES

TAGS

INSTAGRAM